Bayern goleia e avança na Copa

Klose voltou a ter uma oportunidade no ataque do Bayern

Klose voltou a ter uma oportunidade no ataque do Bayern

E pela Copa da Alemanha vei a confirmação do que tem acontecido nos outros campeonatos mais importantes.

O Bayern de Munique recebeu o Oberhausen no Allianz Arena em jogo válido pela segunda fase da Copa da Alemanha. Contra um time muito mais fraco a equipe bávara não teve dificuldades para conseguir avançar.

Com gols de Lahm, Mario Gomez, Muller e dois de Van Buyten o Bayern aplicou uma goleada de 5×0 e assim avança mais uma etapa em busca do título da Copa da Alemanha.

Deutschland gewinnen!
Nationalelf gewinnen!
Bayern gewinnen!

Noch mehr.

João Henrique

Bayern vence e se aproxima da ponta

Quem pensou que o jogo contra o Nuremberg seria tranquila para o Bayern de Munique se enganou. O time bávaro teve que suar a camisa para conseguir os três pontos contra um time bem próximo da zona de re baixamento, mesmo jogando em casa.

O Bayern recebeu no Allianz Arena o Nuremberg para confirmar a reação na Bundesliga após a chegada de Robben. Com Ribery no banco de reservas, o Bayern encontrou dificuldades para entrar na defesa adversaria e pouco criou no primeiro tempo. Mesmo jogando mal o Bayern abriu o placar aos 30 com Olic.

No segundo tempo, com a entrada do francês o Bayern passou a jogar um melhor futebol. Entretanto quando parecia que ampliaria a contagem acabou sofrendo o empate em mais um desses apagões que tem tido constantemente.

Ai mais uma vez apareceu Robben. O holandês fez a jogada e cruzou. Van Buyten, que são não é dos meus zagueiros favoritos ao menos tem feito gols, desviou para marcar o gol da vitória.

Com os três pontos o Bayern de Munique já soma 11 e volta a estar na parte de cima da tabela. Os comandados de Van gaal já ocupam a terceira posição, três pontos atrás do lider Hamburgo.

Deutschland gewinnen!
Nationalelf gewinnen!
Bayern gewinnen!

Noch mehr.

João Henrique

O efeito Robben

clima no Bayern melhorou com as vitorias

clima no Bayern melhorou com as vitorias

As coisas parecem estar engrenando em Munique. Após um começo com tropeços e sem vitórias nas três primeiras rodadas o Bayern de Munique começa a se acertar e este encontro com o bom futebol tem nome: Robben.

Jogador holandês contratado do Real Madrid mudou o jogo pragmatico do Bayern e criou uma opção muito forte pelo lado do campo. Agora os rivais não tem que se preocupar apenas com Ribéry. O fogo vem também do outro lado.

Já mais entrosado com a equipe, o novo camisa 10 conduziu o time nas duas ultimas vitórias. Na goleada de 5×1 sobre o Borussia Dortmund, Robben foi a principal peça na criação de jogadas do Bayern.

A mesma coisa aconteceu na estréia do time bávaro na Uefa Champions League. Com Ribéry ainda distante de sua melhor condição fisica, Robben mais uma vez assumiu a posição de condutor da equipe. O resultado disso? Uma vitória por 3×0 sobre o Maccabi Haifa mesmo jogando fora de casa.

Quem agradece é o jovem Thomas Muller. O jovem criado na base do Bayern vai se aproveitando das oportunidades criadas por Robben e vai ganhando espaço entre os principais jogadores do time. Só nos ultimos dois jogos foram quatro gols marcados por Muller. O jovem tem sido escolhido antes de Klose e até mesmo Toni e Mario Gomes.

Deutschland gewinnen!
Nationalelf gewinnen!
Bayern gewinnen!

Noch mehr.

João Henrique

Robbery

A dupla de ouro

A dupla de ouro

O Bayern de Munique recebeu o Wolfsburg no Allianz Arena neste sábado na reedição da briga pelo título da ultima temporada. Além de encarar o atual campeão alemão o time Bávaro teve de lutar contra o trauma da goleada sofrida no ultimo encontro entre as duas equipes.

E foi nesse panorama que a partida se iniciou. Com o Bayern pressionado pelos maus resultados nas três primeiras rodadas e com a obrigação de dar uma resposta imediata. Dono da casa, o time comandado por Van Gaal tomou as ações da partida.

Mesmo sem jogar um grande futebol, o Bayern de Munique abriu o placar com Mario Gomes, o jogador mais caro da história da Bundesliga. O atacante se aproveitou do rebote do goleiro e abriu o marcador aos 26 minutos.

O Bayern manteve a vantagem até o final do primeiro tempo muito em virtude do mal ou do não futebol apresentado pelo Wolfsburg. Todas as tentativas ofensivas dos Lobos eram desfeitas por erros dos atacantes.

Assim no intervalo as atenções se voltaram para o banco do time de Munique onde estavam Ribery e o Robben, contratado essa semana do Real Madrid. O jogador holandês foi contratado na quinta se apresentou e treinou na sexta e no sábado ja estava em campo para fazer a sua estréia.

Robben precisou de três jogadas para mostrar seu talento e conseguir marcar o primeiro gol com a camisa do Bayern de Munique. Não contente, o atacante recebeu passe de Ribery e deixou o goleiro no chão antes de decretar a vitória do Bayern por 3×0.

Senti uma magia na parceria entre os dois. O Bayern pareceu grande novamente e o candidato a grande, Wolfsburg, nada pode fazer.

Basta apenas segurar a janela fechada por mais algumas horas…
Deutschland gewinnen!
Nationalelf gewinnen!
Bayern gewinnen!

Noch mehr.

João Henrique

Péssimo inicio

Nada mais nada menos do que o pior inicio em 43 anos na Bundesliga. Esse é simplesmente o retrospecto do Bayern de Munique após as três primeiras rodadas no Campeonato Alemão.

Após um empate fora de casa contra o bom time do Hoffenheim e da frustrante igualdade contra o Werder Bremen no primeiro jogo no Allianz Arena, o time comandado pelo holandês van Gaal voltou a decepcionar.

O Bayern de Munique viajou até Mainz para enfrentar os donos da casa no acanhado estádio Bruchweg. Ainda sem poder contar com Ribéry afastado por problemas fisicos, o time bávado foi amplamente dominado na primeira etapa e foi para o intervalo em desvantagem de dois gols.

No segundo tempo o Bayern tentou pressionar o Mainz jogando bola para dentro da área dos donos da casa. Entretanto tudo o que conseguiu foi apenas um gol contra anotado pelo zagueiro macedônio do Mainz Nikolce Noveski.

Desordenadamente o Bayern de Munique tentou pressionar mas ficou claro que o técnico holandês ainda não conseguiu construir o time. O meio campo cria pouco e Olic e Muller (grata surpresa) são obrigados a brigar com os zagueiros. Mario Gomez tem sido facilmente anulado enquanto a defesa ainda apresenta os mesmos problemas da ultima temporada.

O Bayern tem elenco, poder e condições para conseguir reverter essa situação nada confortavel no inicio da temporada. Mas é preciso que a mudança comece a ser feita agora. Portanto nada melhor do que o confronto contra o Wolfsburg para o Bayern começar a se reerguer na Bundesliga.

Deutschland gewinnen!
Nationalelf gewinnen!
Bayern gewinnen!

Noch mehr.

João Henrique

Classificação do Alemão

tabela

Qual a camisa mais bonita?

Já com a temporada rolando e com duas rodadas completas, é hora de identificar as camisas novas dos times na Alemanha.

Qual camisa te agrada mais?

Sem título